Primary tabs

Gil Saraiva

Membro

Gil Saraiva's picture
Offline
Last seen: 1 month 2 weeks ago
Joined: 30/04/2021 - 18:43
Pontos: 0

Gender

Birthday

06-11-1961

City

Country

Sobre mim

Jornalista Profissional, Poeta, Escritor, Artista Plástico, enfim, um criativo que acredita que o impossível apenas demora mais tempo.

Biografia

BIOGRAFIA JORNALÍSTICA E LITERÁRIA
GIL SARAIVA

UM POUCO DE MIM

Sou basicamente um criativo. A área de trabalho não passa de uma plataforma. O estudo de uma matéria nada mais é do que uma aprendizagem de conteúdos.

O que me importa é matar a fome ao conhecimento de algo que me agrade, para que, feito isso, eu consiga deixar fluir a imaginação e esta, por sua vez, obrigue ao despertar de mais um riacho, rio ou oceano de criatividade. Uso como mote a frase: O Impossível apenas demora mais tempo. E como rumo: A palavra é só uma.
Gil Saraiva
PROFISSÃO - ATIVIDADE PRINCIPAL
Jornalista Profissional - Freelancer Inicio de Carreira - 02/01/1981
Carteira Profissional de Jornalista Nº - 5003A Validade - 28/02/2022/ 1ª Emissão - 1996

INTERVENÇÃO JORNALISTICA E LITERÁRIA
Jornalista Profissional e Cronista (atividade: 41 anos)
Comecei a trabalhar como jornalista profissional e de investigação em regime de freelancer em 1981 e, no final dos primeiros 15 anos, foi-me atribuída a carteira profissional, de acordo com o previsto na legislação da época. Tendo feito alguns trabalhos ocasionais para a imprensa nacional (Cm, Público, JN, DN, DN Jovem, Expresso, Sábado e Visão) dediquei à imprensa e rádio regional e local a quase totalidade da minha carreira. Trabalhei com as Rádios Super FM, em Faro e Lisboa, Rádio Antena Sul, em Faro, Rádio Televisão Atlântico, em Olhão, Rádio Nova Era e Rádio Nova Cidade, no Porto, onde fui responsável pela programação de conteúdos, debates, entrevistas e programas de opinião quer políticos quer culturais. Na imprensa regional trabalhei com o Algarve Região, em Faro, Postal do Algarve, em Tavira, JNG e o Suplemento Literário Brêtema em V.N. Gaia e tive ainda participação ocasional com o Jornal do Fundão, Correio do Minho, em Braga, Jornal de Letras, em Lisboa, Comércio do Porto, a Rev. Fórum Estudante, em Lisboa, o Jornal da Região em Sintra e o Jornal de Sintra, para além da Rev. Artes Plásticas, em Lisboa, mantendo a atividade hoje.

Editor, Redator
Trabalhei igualmente como editor, redator e entrevistador para várias publicações e rádios, algumas de índole nacional outras de caráter regional ou local das quais se destacam: a Revista de Turismo Magazine Algarve/Andaluzia, o Boletim Informativo do Sindicato STFPSA BES Algarve, a publicação trimestral da Associação da Bandeira Azul da Europa, TerrAzul Notícias, o Boletim Mensal da Câmara Municipal de Faro, o jornal O Javali, de Campo de Ourique, em Lisboa, as revistas de bairro em Campo de Ourique, Magazine Cultural e Lisboa com Alma.

Editor Online, Acreditações, Coordenação Editorial
Em termos de trabalhos como editor na internet desenvolvi alguns projetos; os Blogs: Cartoons e Desabafos de um Vagabundo, e editei ainda o blog Segurança no Trabalho de José Gandra. a Revista Eletrónica de Turismo da Grande Lisboa Loom Class Magazine, o site Sherazade, rede social nacional, notícias, diálogo e participações interativas, site CandyBar, notícias da noite lisboeta, site Páginas Nómadas, notícias empresariais, cobertura de eventos, divulgação dos serviços noticiosos, site Portugal in Love, reportagens e fotografia, entre outros. Acreditações com jornalista nos vários anos de realização: Algarve Digital e Rock in Rio, coordenador editorial do Primeiro Seminário Nacional dos Jovens Repórteres para o Ambiente, workshops e formações durante o seminário.
Grandes Entrevistas
Programas radiofónicos regionais de entrevistas a alguns dos principais protagonistas políticos, sociais, culturais e artísticos da região algarvia e do país - Exemplos: Jorge Sampaio, António Guterres, José Lello, Cabrita Neto, Isolino Vaz, José Apolinário, Paulo Neves, Isilda Martins, Elidérico Viegas, Pires Veloso, entre outros.

Escritor, Poeta, Atividades Literárias – Os Primeiros Anos (atividade entre 1967 e 1987)
Iniciei a minha atividade de poeta aos seis anos de idade com uma quadra, feita na praia da Manta Rota, depois de um incidente com um barco de um pescador, doente de meu pai. Era assim: “O mar é dos pescadores, porque eles assim o acham, mesmo quando têm dores e quando os barcos que racham.” No ano de 68 iniciei a minha biblioteca particular que conta hoje em dia com mais de 10.000 documentos, livros, revistas, fascículos e manuais. Em 84 escrevi e publiquei, em Coimbra o meu primeiro livro de Sonetos, “Quimeras de Quimera”, em edição de autor. Já em 85 terminei o livro de ficção científica “Vega – Projeto Caravelle”, que nunca foi editado. No ano seguinte realizei no Auditório da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra o meu primeiro recital de poesia, “O Eco dos Sentidos”. Já em 87, em Vila Nova de Gaia, realizei, com o apoio da Biblioteca de Vila Nova de Gaia e da Câmara Municipal, a minha 1.ª Exposição individual de Pintura Poética “Sentidos e Sentimentos – Entre o Ego e o Coração” na biblioteca municipal. Ainda nesse ano efetuei o recital de poesia, no Salão da Alfândega do Porto, “Lágrimas dos meus sonetos” e lancei o cartoon de sátira política e social “Miga a Formiga” publicada no Jornal Notícias de Gaia (JNG).

Escritor, Poeta, Atividades Literárias – Os Impulsos (atividade entre 1988 e 1989 – Parte I)
Em 88, por convite, tornei-me o sócio 51 da Associação dos Escritores de Gaia (AEG) e escrevi o livro de poesia, “Os 7 Heróis do Mar” que nunca foi editado. Foi nesse ano que lancei em Gaia, na Rádio Nova Era, o programa de poesia e critica sociopolítica “Página Rasgadas” e o programa de crónicas políticas “Carta à Berta”. A convite da AEG realizei em Lisboa, na Cervejaria Trindade, o meu 1.º recital de poesia na capital “Terra Minha”, uma vez que aí nasci. É no final deste recital que recebo o convite para integrar o Clube Português de Artes e Ideias, do qual me torno sócio em 89 com o número 167. Sou igualmente convidado a participar no 1.º Encontro dos Jovens Escritores de Portugal (JEP) “Cultura e Desenvolvimento”, promovido pela Sociedade Portuguesa de Autores (SPA) e Instituto Português da Juventude inserido na Década Mundial do Desenvolvimento Cultural promovida pela UNESCO em 1989, em Lisboa, na SPA.
Escritor, Poeta, Atividades Literárias – A Gestação (atividade entre 1989 e 1991 – Parte II)
Fui um dos oradores convidados do 1.º Encontro dos JEP com o tema “A dialética Ecológica da Introdução do Papel Higiénico na Sociedade Portuguesa” no auditório da SPA em Lisboa, é aqui, no final desta intervenção, que lanço a ideia da criação da Associação Nacional dos Jovens Escritores de Portugal. De regresso à capital do Norte, participei ainda em 89, nas Caves Sandman, em Gaia, no recital de poesia “A Poesia e o Vinho” e organizei, mais uma vez com o apoio da Câmara de Gaia, a minha segunda exposição individual de pintura e poesia “A Arte e as Palavras”. O ano de 89 termina com a criação da única Biografia, em 5 volumes do Mestre Isolino Vaz, o pintor portuense apelidado de pai do neorrealismo português, por encomenda do próprio. Infelizmente, devido ao falecimento do artista em 1991 a obra acabaria por não ser publicada, encontrando-se na posse da filha. Constando da Wikipédia a biografia do autor por mim realizada. Em 1990 tornei-me, finalmente, sócio da SPA. Nesse ano fui premiado na categoria de Conto Infantil, pelo concurso literário da Câmara Municipal de Loulé, com o livro “Paúl vem para Faro”. A convite do Museu Municipal Arqueológico e Lapidar Infante D. Henrique, em Faro, tornei-me coautor do Catálogo da Exposição “Vida e Obra” do Mestre Isolino Vaz. Também assinei o prefácio em conjunto com os críticos de arte Arsénio Mota e Manuel Pina e com o arquiteto Siza Vieira (que foi um dos antigos pupilos do Mestre). Por incentivo da Câmara de Faro e com o apoio da autarquia editei as duas primeiras edições do livro infantojuvenil “A Primeira Aventura de Paúl – Paúl vem para Faro”. A primeira edição de 500 exemplares esgotou em três semanas o que obrigou a uma segunda quase em cima da primeira. Este pequeno sucesso levou à estreia na Rádio Antena Sul de um programa de cultura e poesia “O Baile dos Passarinhos”, a que acabariam por se juntar outros dois programas semanais, e dei início às “Crónicas da Rua do Crime” de cariz sociopolítico no Semanário Algarve Região ainda no mesmo ano. No outono, inaugurei uma exposição individual na Galeria Nova Era, em Faro, intitulada “Arte Poética” e fui convidado a criar, na inauguração da Biblioteca Municipal de Lagos, os “Encontros do Escritor com os Pequenos Leitores”.

Escritor, Poeta, Atividades Literárias – A Maturação (atividade em 1992 – Parte III)
Em 1992 fui o poeta convidado pela Câmara Municipal de Loulé a participar com poesia no “Concerto Abraço a Timor” no Cine Teatro da autarquia. Foi ainda em 92 que o PIPSE, o Programa Interministerial Para a Promoção do Sucesso Educativo, recomendou às escolas primárias do Algarve a adoção do meu livro “A Primeira Aventura de Paúl” como livro de leitura. Tal facto obrigou-me a efetuar a terceira e quartas edições do livro. Também me levou a manter os “Encontros do Escritor com os Pequenos Leitores” tendo eu realizado mais 2 em 92 em duas primárias de Faro.
Escritor, Poeta, Atividades Literárias – A Compreensão (atividade entre 1992 e 2014 – Parte IV)
A proximidade com os meus pequenos leitores fez-me ficar com o desejo de partilhar cultura, poesia, música e arte com os algarvios, afinal a recompensa era grande. Foi isso que me levou a realizar entre 92 e 99, por períodos de 4 meses em cada ano, entre junho e setembro, os “Serões Estivais de Articultura do Algarve”, para isso contei com a participação de dezenas de artistas nacionais e internacionais desde as áreas da música, escrita até à pintura e consegui os generosos patrocínios da Câmara de Faro, da Secretaria de Estado da Cultura, da Secretaria de Estado da Juventude, do Conservatório Regional do Algarve e Governo Civil de Faro que contou ainda o apoio especial dos CTT. Todos os eventos se realizaram no Jardim de Inverno e Galeria do Porto Fino, em Faro, onde, durante os mesmos, realizei mais de 20 recitais de poesia. Pela realização dos serões recebi o Prémio de Mérito, em 96, “Troféu Os Mais da Noite” atribuído anualmente pela Revista Algarve Mais. Com os primeiros acessos à internet a acontecerem fundei nesse ano na EFNET, a primeira rede americana de chats online, mundialmente difundida, o canal de língua portuguesa denominado #Poesia. A difusão desse canal de conversação e posteriormente do canal #Língua Portuguesa acabou por me fazer abrir em 95 o primeiro CiberBar da Península Ibérica, logo após o regresso de Washington DC, onde participei no 1.º “Grande Encontro Cultural dos Internautas da Lusofonia”, onde estiveram participantes vindos dos 5 continentes. Estes tipos de encontros repetiram-se, sendo o segundo realizado em 98 em São Paulo, no Brasil, o terceiro em 2003, em Lisboa, o quarto em 2010 em São Salvador, Bahia, no Brasil e o quinto em 2014, Montreal, Quebec, no Canadá. O nascer da internet também me ajudou a tornar-me editor de conteúdos e da secção cultural e literária de vários sites da época, entre eles, Ciberfaro, Faróbis, Edifaro, Queron Latinus, Ciberlusa, Jurassic, Hamasonde, A Malta Arranja, O Javali, Lisboa com Alma e a Magazine Cultural de Campo de Ourique. Já 2008 terminaria com a realização do Congresso dos Poetas Internautas de Língua Portuguesa Contra as Descriminações raciais, de género, de sexo, de trabalho e ainda sociais, políticas e sindicais, em Brasília, no Brasil.

Escritor, Poeta, Atividades Literárias – A Criatividade Lírica (atividade entre 1997 e 2021 – Parte V)
A criação de letras para algumas músicas da banda de rock algarvia, Iris, permitiu-me ganhar um disco de prata, três de ouro e um de platina. Entrei nas publicações: em 97 o CD single “Até ser dia”, o CD “Iris” e ainda a Coletânea em CD Heróis do Rock II, todos da produtora Vidisco. Em 99 da Editora Road Records o CD “Intuição”, em 2001 o CD Duplo "Está o Mar fêto Num Cão", em 2007 o Vídeo Clip, Single, LP Vinil, Cd, DVD "Iris ao Vivo com Ensemble Petrov" da Vidisco e em 2018 o CD e DVD “Iris, Baladas”. A minha letra de maior sucesso foi “Até ser Dia” e depois “Adeus Heróis do Mar” e em 2019 editei pela Chiado Book o ensaio sobre o beijo “O Colecionador de Beijos”.
Escritor, Poeta, Atividades Literárias – Clube de Leitura (atividade entre 1996 e 2002 – Parte VI)
Em 96 realizei o recital de poesia “Os sete Heróis do Mar” no Jardim de Inverno do Porto Fino em Faro. E em 97 crio na rede portuguesa de chat, a ptnet, os canais #Língua Portuguesa e #Poesias e lanço online o Primeiro Livro Inédito e Integral a ser publicado na Internet a nível mundial, "O Próximo Homem" em www.saraiva.org, que viria a ser publicado em papel, com edição de autor, no inicio de 98, com o apoio do Sport Faro e Benfica, clube onde criei o núcleo cultural, que também patrocina o lançamento, em 98, da Revista de Poesia “Plectro” da qual fui autor, redator e editor. Entre 99 e 2001 dedico-me de alma e coração à criação e manutenção do clube de leitura “Jovens Leitores Algarvios” o qual acaba por ser extinto em 2002 por falta de apoios financeiros. No ano de 2002, a propósito do primeiro Seminário Jovens Repórteres Para o Ambiente, dou uma das palestras do encontro sob o tema “Como Escrever uma Notícia - Os 10 Mandamentos Básicos”.

Escritor, Poeta, Atividades Literárias – Mundo da Poesia (atividade entre 2002 e 2012 – Parte VII)
A minha mudança de morada para Sintra em 2002 causou algum abrandamento do ritmo de participação pública tendo participado de 2002 a 2006 nas Tertúlias Mágicas com Buffet Insólito no Restaurante 3 Castelos em Sintra, com declamação de poesia. Graças a estes eventos participei ainda numa tertúlia do Carocha Bar com um recital de poesia denominado “Noturnos”, igualmente em Sintra em 2003. Fui ainda o poeta convidado a apresentar um recital no restaurante artístico Orixás, em Sintra, em 2004, no dia de S. Valentim, que apresentei sobre o título de “Oxalá”. Durante os meus anos vividos nessa terra apaixonante a produção poética foi quase excessiva. Entre 2002 e 2009 escrevi vários livros de poesia, mas não publiquei nenhum, nomeadamente, em 2002 “Terra de Vénus” e “Trovador Binário”, em 2003 “Brumas da Memória” e “Nos Caminhos da Flor”, em 2004, “Os Cavaleiros do Apocalipse” e “Cristal de Areia”, em 2005, “Espelho de Água” e “Gota de Lágrima”, em 2006, “Livro de um Amor” e “Memórias da Terra”, em 2007, “Serra da Lua” e “Folhas de Outono” e em 2008, “Noites Perdidas” e “Canções do Nada”. Em 2009 realizo ainda, em dezembro, na Casa Fernando Pessoa, em Lisboa, o recital de poesia “Momentos”. Em 2010 escrevo o livro de poesia, “Portaló”, durante umas férias no Brasil, na zona da Bahia, mais propriamente no Arquipélago de Tinharé, no ainda típico Morro de São Paulo. De regresso participo num curso de Escrita Criativa realizado na Casa Fernando Pessoa. Em 2011 efetuo um recital de poesia no Restaurante Stop, em Campo de Ourique, denominado “Vinho, a Poesia que se Bebe”. Já em 2012 escrevo o livro de cartomancia “Relógio de Haragano – Um novo Método de Leitura”, por ser uma área onde, por passatempo, tenho conhecimentos que remontam a 1979, pois sempre adorei as Ciências Ocultas.
Escritor, Poeta, Atividades Literárias – Vinho é Poesia (atividade entre 2013 e 2018 – Parte VIII)
Em 2009, após ter vindo viver para Lisboa, a terra onde fui nato, tornei-me um homem do campo. Afinal, nasci em Campo Grande e moro em Campo de Ourique. Passei os dois anos seguintes a mexer e alterar os livros de poesia que havia escrito nos anos anteriores e a aprofundar uma nova área em que me tinha envolvido por causa de Colares e do seu vinho em 2003. Tornei-me, enquanto jornalista, critico de vinhos, tendo mantido até 2017 o blog “Vinho – Poesia em Estado Líquido”. Aliás, só um erro me fez perder esse blog, que apaguei, por engano, ao tentar fazer uma alteração gráfica do mesmo. Ainda produzi vários trabalhos e publicações na área do vinho, nomeadamente, em 2013, “As 7 Rotas do Vinho”, em 2014, a “Primeira Epítome da Terminologia Nacional”, em 2015, o "Manual de Receitas, Cocktails e Shots para Depois da Meia Noite". Em 2016, a “Tabela Ilustrada dos Diferentes Copos de Vinho” e a “Primeira Tabela Beber & Comer", que explicava o que comer com cada tipo de vinho, com valores das "vino-calorias" e das calorias do produto final, a que acrescem ainda os valores de teor alcoólico de cada garrafa, bem como a que temperatura deve ser bebida e, ainda, o “Mapa das Regiões Vitivinícolas de Portugal” e a “Sinopse das Castas Vitivinícolas em Portugal”, descrevendo as principais castas por região, onde se incluíam as designações diferentes para uma mesma casta consoante a região. Já 2017 foi o ano da realização do "Léxico Condensado das Classificações e dos Superlativos, Prémios e Pontuações dos Vinhos", do desenvolvimento do “Catálogo: Garrafeira de João Sabino – Restaurante Stop do Bairro”, uma obra de 5 volumes encomendada pelo próprio e, finalmente, da criação da “Primeira Tabela Completa das Safras Vitivinícolas de Portugal Continental - 1982/2017”. Realizo ainda um recital de poesia no Chacras Bar, em Campo de Ourique, denominado “Vinus Noturnus” Em 2018 reuni todos estes trabalhos num livro de investigação jornalística, a que dei o nome de “ESDIVIM – Ensaio Social da Dinâmica Interativa Vitivinícola Inscrita na Modernização” que não editei por ter sido uma encomenda de um colecionador, e, por fim, participei com a declamação do poema no encerramento da “Tertúlia sobre o Feminino” no âmbito das Comemorações do Dia Internacional da Mulher realizado na Junta de Freguesia das Avenidas Novas, em Lisboa. Em 2019 participei numa sessão individual de autógrafos, como autor convidado, da Feira do Livro de Lisboa, no stand da Chiado Books.

Nós somos os produtos genéticos hereditários de muitas gerações,
mas, muito mais importante, somos o resultado do que pensamos,
e só deixaremos a nossa marca no mundo pelo modo como agimos.
No meu caso… escrevo, a história um dia dirá se valeu a pena fazê-lo.

Gil Saraiva

Estatísticas do membro

  • user: Gil Saraiva
  • Conteúdos: 0
  • Visualizados: 0
  • Comentários: 0
Top