Ao principio …

 

Ao principio …

Português

 

Ao principio …

O principio impunha-se à vontade arbitrária de criar, sem que se arriscasse concluir como e de que forma se reproduziria a vida a partir do nada, do primevo, do zero,do nulo, do ovulo.
A vitalidade não tem forçosamente uma raiz, a vontade sim e o principio é a origem, o folículo do ovário, uma opção especial, especifica, a qual caracteriza o começo, o principio de tudo, a realização da vida e do mundo.
A vontade deu origem ao primeiro fruto, porém este inaugurou o morrer e o tom poético do outono invadiu, primeiro o mar e depois a terra, a serra e a floresta e o ar, tinha-se inventado o tempo, pois a morte não é o fim da vida, mas a revogação natural do tempo, de velho em novo, de novo em velho, assim tem sido sempre até agora e assim será eternamente.,
Logo o sonho estabeleceu que houvesse lua e a lua apareceu, em crescente, ditando os ciclos menstruais da mulher e à floresta, deu razões para crer, crer na paixão da seiva ao subir do caule às rubras pétalas.
No princípio era o óvulo, o veludo do musgo e o músculo da ameijoa, da anémona e o caranguejo-ermita, na concha abandonada, a praia a perder de vista, o beijo dos namorados de mão dada, os desejos insinuados, o calor e a vontade de fazer amor, mais que tudo, mais que nada, na esfera , na atmosfera ténue das vontades arbitrárias, o planeta Terra, o Mundo.

Joel matos 07/2018
http://joel-matos.blogspot.com

Género: 

Comentários

Dai-me o que perdi pois não

Dai-me o que perdi pois não me encontro pra vos dar mais

O que vos dei não conta e do

O que vos dei não conta e do que prometi jamais alguém reclamará na minha campa 

Abdique de ser rei pra ser

Abdique de ser rei pra ser jardineiro por minha conta, sem reino nem terreno pra arar podei as rosas dos quintais dos outros e observei pardais nos ninhos nas sombras dir-se-iam deuses mortais,não contei quantos, mas muitos muitos

Desejo desertar, mais as

Desejo desertar, mais as pernas

estão sempre fora de mim 

estão sempre fora de mim 

e o meu coração dentro

e o meu coração dentro

Admito não ter dormido o

Admito não ter dormido o tempo todo de vida, mas mesmo assim penso como se fosse madrugada e domingo cada vez que me levanto da cama 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

..

..

...

...

.....

.....

-----

-----

......

......

?

?

Top