Cordas da vida

 

Cordas da vida

Português
Fotógrafo: 

Havia dedos a passar

Por cordas de voz e ninguém para escutar

 

Havia uma melodia no ar

A suar e no coração a entrar

 

Como cordas vocais ao declamar

A recordar a vida que fez-se passar

 

Posso estar a sonhar

Embalado no compasso na mão a balançar

 

Entre frases que ficam

Na alma ao sair

 

A escrever, a sentir

Tudo na vida a viver

 

Entre sonho desfocado

Melodia a não se ouvir

 

Continua-se a vida a tentar

Fazer essas cordas tocar

Na melodia sem parar.

 

15/04/2019

Poeta Tiago Santos

 

Género: 

Comentários

Fazes essas cordas tocar como

Fazes essas cordas tocar como não há igual

Top