- A minha cabeça em Flor -

 

- A minha cabeça em Flor -

Português

Tenho a cabeça aberta ao que não me cumpro...
O corpo descansa na cabeça futura;
espera, ainda, a casa que não encontro na estrada.

Um dia serei sem dias.
Não terei calendário.
Serei ao vento...
-reconforto-me.

As mãos perguntam a primavera...

O sol desaba como água ardente.
E eu limito-me a desabrochar...

Dizem-me que assim é...
...a natureza das coisas...

Género: 
Tags: 

Comentários

O sol desaba como água

O sol desaba como água ardente.

O sol desaba como água

O sol desaba como água ardente.

Um dia serei sem dias

Um dia serei sem dias

Top