Nuno M. Gonçalves

Membro

Fotografia de Nuno M. Gonçalves
Offline
Última vez online: há 8 anos 11 meses atrás
Membro desde: 03/05/2015 - 17:57

Género

Cidade

País

Estatísticas do membro

  • user: Nuno M. Gonçalves
  • Conteúdos: 13
  • Visualizados: 30867
  • Comentários: 0

Conteúdo

 

“Bandido”

“Bandido”

Género: 
 

"PERDI"

Quando te vi o meu olhar se perdeu,

Meu olho bateu no teu e não mais se esqueceu.

Pensava em ti, e não via a hora

De te ver sem demora.

Género: 
 

“Coisas”

Por vezes sabemos coisas,

Cosas que nos fazem pensar,

Que a melhor coisa

É não as lamentar.

Pensamos em coisas a toda a hora

Coisas uteis e coisas inúteis

Género: 
 

“Sentir”

Sinto o que sinto e é mesmo por ti,

Será que sentes o mesmo por mim?

Certamente não sentes,

Nem me desmentes

Que sentir o que sentes

Género: 
 

“Lágrima”

Emoção, tristeza, alegria

São sentimento que pedia.

A ver via,

Qual deles te colhia.

Em teu rosto eu via,

Um sentimento de alegria,

Género: 
 

"2 segundos"

Estive contigo certo dia,
Num local lindo, paradisíaco.
Ao chegar la ate me roía, a alma de imensa alegria.
Foi tão bom, tão lindo tão, fantástico

Género: 
 

"Quase"

Pensava em ti,
Pensava se um dia irá ter fim.
Queria tanto,
Queria tanto ir te amando.
E pensando,
Se tu também pensas em mim.
Como dói não te ter,

Género: 
 

"Abandonados"

Noite fria, calma e sem lua
Noite escura que me ilumina nesta rua.
Vagueio sem destino
Talvez com a cabeça na lua.
Meus pensamentos vão e vêm como que sem tino.

Género: 
 

“ Alguém”

Tem dias que estou bem outros menos bem,

Será porque falta alguém?

Certamente alguém

Que me quer bem.

Será que me tem,

Ou simplesmente acha que me ama também.

Género: 
 

“Amar”

Amo quem amo.

E não me arrependo de o fazer.

Será que tal ser, sabe que a amo?

Talvez não saiba, ou não queira saber

Ou então, esteja fechada ao querer.

Género: 
 

“Pôr-do-sol”

Que tarde tao linda que vislumbro de minha varanda,

Sentado numa cadeira a disfruto.

Sentido o sol e a leve brisa em meu rosto.

Que conforto.

Género: 
 

“VIVER”

Saberei um dia respirar o ar respirado?

Sentirei um dia o vento frio e molhado?

Oh vida que me enche de vida

Que me da alegrias e tristezas

Género: 
 

"RECORDAÇOES"

Sentado á beira de um penhasco, pensava eu em ti, oh doce princesa
Levado pelo vento meus pensamentos eram levados
Levados até ti numa chama acesa.

Género: 
Subscribe to Conteúdo
Top