Isabel Reis

Membro

Fotografia de Isabel Reis
Offline
Última vez online: há 4 semanas 13 horas atrás
Membro desde: 28/02/2014 - 18:09
Pontos: 68

Género

Data de Nascimento

21/09/1967

Cidade

País

Sobre mim

Bem disposta...

Biografia

O meu nome é Isabel Reis. Sou casada e tenho 2 filhos.

Profissionalmente trabalho num banco especializado no ramo automóvel e conclui a minha licenciatura em Educação.

Nos meus tempos livres gosto de passear à beira-mar, andar de bicicleta, de ler, de

escrever, de cinema e adoro animais especialmente de cães e de canários.

Adoro histórias! O inventar das histórias era uma forma de distração para os

meus filhos, qualquer situação era motivo para inventar uma história nova. Os

“Homenzinhos da Lua” foi a primeira a ser colocada no papel, agora foi a vez de sair

do sótão das recordações a história “Das Nuvens à história”.

Somos nós os responsáveis pela concretização dos nossos sonhos e não devemos

desistir dos mesmos, renasci como escritora…

Estatísticas do membro

  • user: Isabel Reis
  • Conteúdos: 33
  • Visualizados: 14927
  • Comentários: 2

Conteúdo

 

Amor

Não sei porquê, mas hoje descobri

De tantas coisas que escrevi

O grande amor que está dentro de mim

Que tenho de partilhar para ser feliz

 

Género: 
 

Dar

O mundo eu gostaria de te dar

E todos os teus sonhos realizar

Como não tenho dinheiro para comprar

Uma miniatura te vou ofertar

 

Género: 
 

Sombras

Género: 
 

Nuvens

Olhando o deslizar das nuvens

Crio sonhos com imagens

Me transporto até à praia

E ai me sinto uma catraia

 

Mexendo na areia com o ancinho

Género: 
 

Mar e nuvens

Género: 
 

A minha janela

Género: 
 

Abraçar

         Abraçar

Eu queria abraçar o mundo

Pois abraçar acalma

Abraçar enche a alma

E por momentos temos conforto

 

Género: 
 

Desapego

Eu sofro calada,

Faço que não vejo,

Finjo que não sinto,

Mas o meu coração  chora,

 

Eu tenho  que te deixar ir

Tu tens de partir

Género: 
 

A praia e o amor

A praia é para passear

A praia é para relaxar

A praia é para amar

A praia é para a paz encontrar

 

Somos como a areia e o mar

Género: 
 

Vida

Género: 
 

Mar

Género: 
 

Passáros

Uma história hoje aqui venho contar

Que sucede todos os dias ao entardecer

Vamos lá ver quantos nasceram

E como estão os seus papos dos que estão a crescer

 

Género: 
Subscribe to Conteúdo
Top