Meditação

 

Somente devaneio

Encanto, sofregamente encanto

Silêncio transbordante e soprado na chama incandescente

Incessantemente aquele sentimento de amargura imunda

Género: 
 

Nuvem Negra

Senhor já e muito tarde

Estou cansado de caminhar

Os meus pés estão doloridos

E eu não consigo te encontrar

Sua morada parece longe

Esta demorando pra chegar

Género: 
 

Procurando-me

Procuro-me e não me encontro

Por íngremes veredas e estonteantes alamedas

Cruzo o sombrio bater da alma humana

Encontro penumbras que de vida fervilham,

Género: 
 

Tempo sentido

Apenas tempo fugazmente correndo

 

Num momento sem tempo da morada da minha alma

 

Neste tempo sem sentir

 

Género: 
 

Estou De Pé Outra Vez

Sozinho eu andava pela estrada da vida

Os caminhos do Senhor eu deixei para trás

Um dia tropecei e fui ao chão

E sozinho não consegui levantar

Género: 
 

Caminhos percorridos

Por entre agrestes pedras e dourados sóis

O meu rosto com traços de melancolia desenhado

No exuberante voo das andorinhas que anseio reviver,

Género: 
 

Surreal imagem

Com pincéis de incolor seda e uma paleta de infindas cores

Pintalguei abruptamente o meu nascer de fugaz cor,

Suavemente embalei os braços da minha mãe,

Género: 
 

Singular devaneio

Oiço ao longe intensas e vibrantes badaladas

O chilrear brejeiro e alegre dos pardais

Que tal como eu sentindo a suave brisa de vento

Género: 
 

Ser, humano

Nas brumas da realidade

Fugazes momentos que transbordam de vida

Presença única que de ti, universo infindo

Encontro nas vísceras que em mim reclamam

Género: 
 

Bucólica espera

E este imenso mar abalroa o meu olhar

Sonantes ondas transpõem o meu ser

De profundidade sedento,

Jamais desenhada na superficialidade desta realidade,

Género: 
 

Apenas escrevendo

Na desmedida ânsia desta escrita

Me traduzo sem pudor,

Regurgitando a minha angústia

Abençoando os meus amores

E exorcizando os meus desamores,

Género: 
 

Somente poemar

E assim me encontro e desencontro

Suavemente o teu olhar tocando

Que me penetra e confunde,

Aquele olhar que jamais encontrei

No mais profundo do meu ser.

Género: 
Top