Inês Eggers de Azevedo

Membro

Fotografia de Inês Eggers de Azevedo
Offline
Última vez online: há 1 mês 3 semanas atrás
Membro desde: 02/09/2015 - 15:30
Pontos: 47

Género

Data de Nascimento

25 de Março de 1986

Cidade

País

Sobre mim

Sobre mim falo, escrevo, penso, saio e colo me olhando para mim. Observo o que tenho de bom, o que posso melhorar e estudo bem os meus erros, com consciência, que apenas passo por aqui, nesta vida, moldando a minha alma a um corpo que desconheço. Auto-conheço, com o propósito de chegar ao equilíbrio, que vive em dois mundos: o que está dentro de mim e o que de fora me envolve.
Choro quando sinto demais (bom e mau) e ergo me pensando no porquê do meu choro, daí vem a verdadeira magia do meu "estar". Resolvo tudo questionando com o "como?" para as soluções virem à tona com a simplicidade de um clique.
Danço com e pela vida e manuseio as minhas capacidades em prol de um bem maior, e assim os meus sonhos estão pousados na intenção de construir um mundo melhor para o máximo de pessoas possível.

Biografia

Inês Eggers de Azevedo, nascida a 25 de Março de 1986 na cidade de Espinho, Aveiro.

Trabalha no que aparece, mas a área que mais lhe dá sustento é a hotelaria, contudo viaja pelas artes desde a escrita ao desenho, da música á dança, desde bem pequena.

Começou a dançar ao som da Tieta ainda usava fralda, aos 5 a cantar no muro da visinha, aos 7 a desenhar. Iniciou o seu primeiro diário aos 10 e desde então não parou de escrever. 

Apaixonada pela vida e por tudo aquilo que o Universo contém, escreve para si e para o mundo e estuda o poder da mente, da cura pela mesma, auto-cura e terapias alternativas e apoia se num Deus que criou tudo aquilo que nos circunda.

Nunca se considerou escritora, apenas escreve aquilo que sente e aquilo que o seu íntimo imagina, mas entretanto abraçou a escrita como sonho e diz que será milioária com as folhas que lhe dão consolo!

Estatísticas do membro

  • user: Inês Eggers de Azevedo
  • Conteúdos: 21
  • Visualizados: 3871
  • Comentários: 5

Conteúdo

 

Somos sem saber

A vida viaja numa imprevisibilidade maravilhosamente curiosa e misteriosa, na qual a surpresa é o seu sabor e os nossos pensamentos o seu motor desconhecido pois, não nos conhecemos a nos p

Género: 
 

Só por agora

Lavas as minhas costas hoje? Só hoje… Quando estiver no banho a relaxar o meu corpo com poder que a água me transmite de navegar nas células do corpo.

Género: 
 

Descanso à gato

Género: 
 

Micro Sol

Género: 
 

Tentativas mais que falhadas

Já tentei por tantas vezes esquecer o teu abraço, mas sempre que me deito agarrada a mim própria, o teu corpo invade o meu e toma o lugar do carinho que me dou, por um toque que ficou tatuado na mi

Género: 
 

99 de Tita

99 Gotas de chuva chora o céu hoje, porque te viu nascer à 99 anos atrás. 

Género: 
 

O resgate do "eu"

São tantas… estas folhas onde pinto aquilo que a mais ninguém entrego… Acredito que já são tantas centenas de folhas, que se ainda não chegaram às 1000 pouco faltará.

Género: 
 

Em cama nova

Ultimamente o céu tem me oferecido lugares e histórias para deliciar a minha mente e a minha vontade de criar.

Género: 
 

Apelo definitivo

Que os melhores dias venham com a facilidade com que o mar passa de calmo a bravo, com a rapidez com que o sol surge por entre as nuvens de um temporal.

Género: 
 

Espelhos nossos

E se eu contasse os passos que já dei,

Em que número pararia?

E se pensasse em todas as vidas que já toquei,

O que aprenderia?

 

Somos tantos que divagam

Género: 
 

Imaginação em Acção

Tenho lido bastante sobre o poder da mente e a incidência dos nossos pensamentos na vida real.

Género: 
Subscribe to Conteúdo
Top